Media Training e Comunicação Pessoal | Aurea Regina de Sá

Estudo de Brené Brown

vira especial na Netflix

Ela estuda a vergonha e a vulnerabilidade.
É pra ver, sentir e aprender.

Conheci o trabalho de Brené Brown por intermédio de um cliente, um dos meus primeiros coachees no processo de coaching de comunicação. Quando me procurou, ele já tinha passado por cursos de oratória e não tinha conseguido avançar. Fernando, o nome fictício do executivo, suava frio ao se apresentar em público. À medida em que foi  sendo convidado a avançar na trilha do autoconhecimento, dentro do roteiro do meu treinamento, ele ganhou autoconfiança.

Numa das sessões, Fernando chegou com o livro debaixo do braço, colocou-o sobre a mesa e disse: ‘esse livro é pra você. Essa autora me ajudou muito’. Eu devorei o material e passei a integra-lo ao meu trabalho.

Pra quem busca se conhecer para se comunicar melhor, Brené Brown é leitura obrigatória. O livro é uma de suas 5 publicações, além das palestras no TED Talk que resumem o estudo de 12 anos sobre vergonha e vulnerabilidade.

Ela não relaciona precisamente a vergonha com a comunicação, mas vincula o sentimento de autorrejeição com a atuação no palco da vida. E é assim que é mesmo! A gente vive, se relaciona e se comunica, tudo junto e misturado. Ao longo das páginas de A Coragem de Ser Imperfeito, Brené explica como desenvolveu a pesquisa para se tornar PhD e conta os aprendizados que teve ao ter contato com gente que, como ela, tinha vergonha de se mostrar imperfeita. A pesquisadora também convida para reflexão e sugere exercícios.

A grande descoberta é que TODOS SOMOS IMPERFEITOS. E quem te falou que você teria que ser perfeito? A dedicação e o capricho são comportamentos louváveis, mas o perfeccionismo é estrangulante, e nunca te deixa ficar satisfeito. Sem autossatisfação e autoaceitação, podemos perder o estímulo e a energia para tentar de novo e continuar.

Brené Brown na Netflix

Bom, não vou contar o livro aqui, mas sugiro fortemente que leia. Se preferir ver o vídeo da Brené no TED, clique aqui. A palestra já teve 38 milhões de views e é uma das mais assistidas da plataforma. Eu já vi um montão de vezes e agora me preparo para assistir ao especial Chamada para a Coragem, que estreia na Netflix no dia 19 de abril. Juro que você não será mais a mesma pessoa depois de ter contato com o trabalho de Brené Brown.

Aurea Regina de Sá

Aurea Regina de Sá é jornalista e coach de comunicação, especializada em Media Training.

Comentar

AUREA REGINA DE SÁ

Jornalista e Coach de Comunicação, especializada em Media Training.

Saiba mais
Aurea na imprensa

Assine meu podcast

Siga-me nas redes sociais!


Alguns clientes